Governo reúne ministros no feriado para discussão de políticas sociais

Por determinação do presidente Jair Bolsonaro, o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, reuniu alguns ministros neste feriado de Proclamação da República para discutir políticas sociais do Governo Federal.

“É uma determinação do presidente Bolsonaro que tenhamos, inclusive está previsto no plano de governo, esse olhar fraterno para a nossa população mais necessitada”, enfatizou Onyx.

Estiveram presentes no Palácio do Planalto, além de Onyx, os ministros Abraham Weintraub, da Educação; Damares Alves, da Mulher, Família e Direitos Humanos e Osmar Terra, da Cidadania, mais técnicos de cada pasta.

Segundo o ministro, no mês de dezembro serão anunciadas novidades na área. “Alguns programas serão revistos, outros ampliados e novos programas serão lançados”, acrescentou, enfatizando que o foco será na infância e na família. Ainda no feriado, o ministro reuniu-se com a primeira-dama, sra. Michelle Bolsonaro, para dar continuidade aos temas tratados na reunião ministerial.

Fonte: Governo Federal

2 thoughts on “Governo reúne ministros no feriado para discussão de políticas sociais

  1. Na minha opinião o governo deveria investir na educação tempo integral; aos adolescentes reservar parte do período para o ensino técnico, a fim de despertar uma habilidade que possa se transformar em profissão futura.
    Quanto aos programas assistenciais como bolsa família e etc ter um controle mais efetivo, para não transformar o cidadão em mendigo eterno. Auxílio presidiário ser excluído, pois os filhos serão alimentados na escola e as outras necessidades teriam que ser provida pelos familiares.

  2. Agora esses Direitos Humanos não quer desgarrar do Presidente porque? Só defende os fora da Lei. Parabéns Presidente nos brasileiro estamos te apoiando.
    Falando sobre o menor, até concordo que seja até 18 anos, mas se for pelo lado do crime deve considerar responsabilidade desde os 12 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *