Para Maia empresários devem arcar com os custos da Reforma Tributária

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), voltou a cobrar a contribuição dos empresários na reforma tributária. Segundo ele, o Estado brasileiro concentra renda e não reduz desigualdades.

“Se tivesse que escolher entre a reforma administrativa e a tributária, eu fico com a tributária, porque pelas simulações que acompanhamos vai ser muito positivo para o crescimento do País”, disse o presidente durante evento promovido pelo BTG Pactual em São Paulo nesta terça-feira (5).

“O que não pode é ter esse sistema mantido como está, ou criando uma CPMF, para que a sociedade pague a conta para resolver um setor da economia, é hora de todo mundo ajudar”, disse Rodrigo Maia.

PEC emergencial
O presidente reafirmou a intenção de votar neste semestre a chamada PEC emergencial (PEC 186/19), encaminhada pelo Executivo e que ainda está no Senado.

O texto prevê corte de até 25% da jornada e do salário de servidores públicos que recebem acima de três salários mínimos. Maia disse que assim que o texto for aprovado no Senado, vai apensá-lo à proposta da Câmara, cuja admissibilidade já foi aprovada ano passado e que a aguarda a criação da comissão especial.

A PEC 438/18, da Câmara, cria gatilhos para conter as despesas públicas e preservar a regra de ouro. De acordo com esse dispositivo constitucional, o governo não pode se endividar para pagar despesas como folha salarial, manutenção de órgãos e programas sociais.

Na prática, as duas medidas reduzem os gastos com servidores públicos. Maia garantiu celeridade na votação das duas propostas na Casa.

“Eu posso jogar na comissão especial direto e ganho 40 dias e é uma matéria com muito apoio, nós queremos mais recursos e, para isso, precisamos reduzir despesas do Estado”, explicou Maia. Segundo ele, a Câmara pode aprovar um texto mais ambicioso do que o aprovado pelos senadores. “Tem espaço para avançar bem mais que a PEC do governo que está no Senado”, afirmou.

Fonte: Câmara dos Deputados

3 thoughts on “Para Maia empresários devem arcar com os custos da Reforma Tributária

  1. Maia! Você está atrasando seu próprio país! Para com isso, você não é tão burro assim, respeite suas raízes.

  2. Tem que dar um basta.neste verme.
    Já não aguento mas
    Vê esse parasita travando o país.o fim do mandato dele vai acabar.essa é a hora dele sentir do próprio veneno .da o tributo da falta de caráter de alguém que é tão sujo quanto uma privada.

  3. Maia, nas eleições de 22 você vai ser lançado ao infinito, na cauda de um foguete, pra NUNCA mais voltar, tchau querido!!!!

Comments are closed.