Cuba e Venezuela são classificados como países que não colaboram com o combate ao terrorismo

Os Estados Unidos anunciaram nesta quarta-feira (13) que incluíram Cuba e Venezuela em sua lista negra de países que não colaboram na luta contra o terrorismo, denunciando a presença na ilha das guerrilhas colombianas do Exército da Libertação Nacional (ELN).

Irã, Síria e Coréia do Norte também receberam este “selo”, que compromete as exportações de bens e serviços de defesa. É a primeira vez que Cuba recebe esta classificação desde 2015, conforme o comunicado do Departamento de Estado americano.

A medida do Departamento de Estado terá pouco efeito prático sobre Cuba, já que o país não importa armas dos Estados Unidos.

O Departamento de Estado também acusou o governo comunista de Cuba de abrigar vários fugitivos americanos da justiça procurados por acusações de violência política.

Entre eles, ele mencionou a ativista Joanne Chesimard, condenada por executar a polícia estadual de Nova Jersey, Werner Foerster, em 1973.

Fonte: NTN24 Venezuela