Ministério da Agricultura alerta sobre perigos de sementes que chegam pelos correios sem serem solicitadas

Após informações que circularam recentemente sobre americanos que receberam pelos correios pacotes de sementes não solicitadas, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), alerta os cidadãos brasileiros para que tenham cuidado e não abram encomendas que cheguem em suas residências sem conhecimento.

A orientação é para que, caso não tenha feito compra on-line ou não reconheça o remetente, leve o pacote para uma das unidades do Mapa em seu estado ou entre em contato por telefone relatando a situação.

A importação de vegetais não autorizadas pode facilitar a entrada de pragas ou doenças que não existem ou estão erradicadas no país, além de causar prejuízos econômicos. Para evitar o risco fitossanitário, o Mapa atua no controle do e-commerce internacional com equipe dedicada para fiscalizar e impedir a entrada de material sem importação autorizada no País. No entanto, caso venha ocorrer no Brasil, o Ministério conta com a colaboração da sociedade com as orientações repassadas.

Segundo informações do órgão de defesa agropecuária americano (APHIS-USDA) repassadas ao Mapa, o caso está sob investigação em conjunto com outras agências de segurança dos Estados Unidos e que, até o momento, não há evidências que indiquem outra ação que não seja a conhecida como brushing scam – estratégia do e-commerce utilizada por sites ou vendedores online para gerar números falsos de pedidos e reviews positivos, qualificando o vendedor.

Fonte: Ministério da Agricultura

Este conteúdo foi publicado em 14/08/2020 20:34

Este site usa cookies para melhorar sua navegação.