Projeto de lei visa à prevenção de acidentes provocados por raios

Uma campanha estadual para prevenção de acidentes com descargas elétricas provocadas por raios foi proposta pelo deputado Delegado Rérisson (DC). O projeto de lei já tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) da Assembleia Legislativa.

Segundo a matéria, a campanha deverá ser especialmente direcionada às pessoas que trabalham a céu aberto, como agricultores, trabalhadores da construção civil, ambulantes e outras mais suscetíveis aos raios.

O deputado alertou que o Brasil é o país com maior incidência de raios em todo o planeta, chegando a cerca de 50 milhões por ano.

De acordo com as estatísticas, a cada 50 mortes por raio no mundo, uma acontece no território brasileiro. Os dados mostram que, entre os anos 2000 e 2009, ocorreram 1.321 mortes por raio, média de 132 por ano no Brasil.

Conforme o projeto, a campanha deverá ser divulgada nas escolas públicas e privadas, unidades de saúde, órgãos públicos e mídia em geral. Ela vai conter informações sobre prevenção, incidência de raios e todos os procedimentos a serem adotados em solo tocantinense.

O programa de prevenção deverá contar também com informações dos sites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e da Defesa Civil do Estado do Tocantins.

“É importante informar as pessoas e recomendar que se protejam melhor. Muitas vezes, simples atitudes como evitar sair às ruas durante uma tempestade ou procurar um abrigo seguro podem salvar muitas vidas”, afirmou Rérisson.

Fonte: Dicom/AL