Segunda, 22 de Julho de 2024 19:46
63 98121-2858
Educação Acre

Educação do Estado realiza curso de ledor e transcritor para professores e comunidade

A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), por meio do Centro de Apoio Pedagógico para Atendimento às Pessoas com Deficiência Vi...

17/06/2024 19h21
Por: Redação Fonte: Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre
Foto: Reprodução/Secom Acre

A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), por meio do Centro de Apoio Pedagógico para Atendimento às Pessoas com Deficiência Visual do Acre (CAP/AC), iniciou nesta segunda-feira, 17, o curso de ledor e transcritor para professores, mediadores e comunidade em geral.

O curso está sendo realizado no auditório do CAP/AC, localizado na Estação Experimental. De acordo com a coordenadora do centro, professora Cristina Nogueira dos Santos, o curso de ledor e transcritor tem uma duração total de 120 horas e irá até o próximo dia 26 de julho.

Curso de ledor e transcritor tem 120 horas e irá até o dia 26 de julho. Foto: Stalin Melo/SEE
Curso de ledor e transcritor tem 120 horas e irá até o dia 26 de julho. Foto: Stalin Melo/SEE

“Quando abrimos as inscrições, damos prioridade para os professores que trabalham com educação especial e mediadores e, depois, abrimos também para a comunidade de maneira geral. Estamos iniciando o curso com um total de 25 pessoas”, explicou a coordenadora.

Continua após a publicidade

Ela explica que ledor é aquele profissional que faz a leitura, por exemplo, de provas para as pessoas com deficiência visual ou que possuam algum outro tipo de deficiência e que necessitem do auxílio. Já o transcritor realiza a transcrição para uma pessoa com deficiência visual.

Continua após a publicidade
Ledor e transcritor auxiliam pessoas com deficiência visual. Foto: Stalin Melo/SEE
Ledor e transcritor auxiliam pessoas com deficiência visual. Foto: Stalin Melo/SEE

“Antes de realizar a inscrição fazemos alguns testes com os interessados. Por exemplo, para o transcritor, verificamos se a pessoa tem uma caligrafia legível, já que ela irá auxiliar a pessoa com deficiência em provas e concursos, como o Enem”, explicou a coordenadora.

Continua após a publicidade

Hadassa Silva está no 7º período de Geografia na Ufac e é uma das alunas do curso de ledor e transcritor. Ficou sabendo do curso pelas redes sociais e diz que espera agregar experiência ao currículo. “Minhas expectativas são muito boas e espero aprender muitas coisas importantes”, disse.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.