Segunda, 22 de Julho de 2024 20:00
63 98121-2858
Parlamento Senado

Marcos do Val denuncia irregularidades na operação da PF

Marcos do Val criticou a forma como a operação foi conduzida, comparando a apreensão contínua dos seus equipamentos a uma "pirraça infantil".

09/07/2024 17h24
Por: Pablo Carvalho
Marcos do Val denuncia irregularidades na operação da PF

Durante a sessão no Plenário do Senado nesta terça-feira (9), o senador Marcos do Val (Podemos-ES) expressou sua insatisfação com o ministro Alexandre de Moraes e a Polícia Federal. Segundo ele, a apreensão de seus equipamentos eletrônicos foi ilegal e baseada em uma decisão monocrática sem fundamentação adequada. Ele ressaltou que, conforme o relatório da própria Polícia Federal, nada relevante para a investigação foi encontrado.

Marcos do Val criticou a forma como a operação foi conduzida, comparando a apreensão contínua dos seus equipamentos a uma "pirraça infantil". Ele destacou que o HD e outros dispositivos poderiam ter sido analisados sem necessidade de remoção física do gabinete. O senador ainda afirmou que a retenção dos equipamentos está prejudicando seu trabalho legislativo.

O senador também leu um trecho de um documento da plataforma Google, que aponta falhas na fundamentação das ordens judiciais emitidas pelo ministro Alexandre de Moraes, violando a Constituição brasileira. Ele enfatizou a importância de alertar a população sobre essas questões para evitar que figuras importantes tomem decisões sem a devida justificativa legal.

Continua após a publicidade

Finalizando seu discurso, Marcos do Val pediu urgência na devolução dos equipamentos apreendidos. Ele reiterou que a continuação da retenção impede o desempenho de suas funções e prejudica mais de um milhão de eleitores do Espírito Santo, que ele representa no Senado Federal.

Continua após a publicidade
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.