Segunda, 22 de Julho de 2024 20:20
63 98121-2858
Justiça Segurança

PF deflagra operação contra madeireiras ilegais localizadas nos municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas/MA

Foram inutilizados 12 motores de serrarias e um caminhão carregado de madeira serrada na hora da abordagem

10/07/2024 15h29
Por: Pablo Carvalho
PF deflagra operação contra madeireiras ilegais localizadas nos municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas/MA

Caxias/MA. A Polícia Federal no Maranhão, com apoio do ICMBio e da Polícia Penal Estadual, deflagrou, nos dias 9 e 10/7, a Operação Araribóia Livre VI, com ações em madeireiras ilegais localizadas nos municípios de Buriticupu e Bom Jesus das Selvas/MA.

A ação faz parte de uma estratégia de proteção contra a extração ilegal de madeira de terras indígenas, especialmente da Terra Indígena Araribóia, a maior da região. Durante a operação, foram inutilizados 12 motores de serrarias e um caminhão velho que estava carregado de madeira serrada na hora da abordagem.

Entre as madeiras identificadas, estavam o Pau d’Arco (Ipê), Maçaranduba, Jatobá e até Piquizeiros. A madeira apreendida foi destinada à Secretaria de Administração Penitenciária do Maranhão, responsável pela guarda até a destinação definitiva.

Continua após a publicidade

Quando for concluída a doação, a madeira poderá ser trabalhada pelos presos como forma de remição de pena. Durante a ação, foi verificado, ainda, que os trabalhadores atuavam em condições degradantes, dormindo em pequenos barracões de lona, sem qualquer documentação trabalhista e sem condições mínimas de higiene e/ou de equipamentos de segurança. Os proprietários das madeireiras já foram identificados e as investigações prosseguirão também em relação aos crimes conexos.

Continua após a publicidade

A Polícia Federal reforça que a extração ilegal de madeira é crime.

Continua após a publicidade

Comunicação Social da Polícia Federal no Maranhão

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.