Sábado, 25 de Junho de 2022 22:47
63 98121-2858
Brasil Internacional

Ministro da Saúde chefiará delegação brasileira na 75ª Assembleia Mundial da Saúde, em Genebra

Brasil discutirá temas da agenda de saúde global no maior órgão decisório da Organização Mundial da Saúde

19/05/2022 14h11
Por: Pablo Carvalho Fonte: Governo Federal
Ministro da Saúde chefiará delegação brasileira na 75ª Assembleia Mundial da Saúde, em Genebra

O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, chefiará a delegação brasileira durante a 75ª Assembleia Mundial da Saúde (AMS), prevista para acontecer entre os dias 22 e 28 de maio, em Genebra, na Suíça. A Assembleia é o maior órgão decisório da Organização Mundial da Saúde e reúne os estados membros da OMS. O objetivo do encontro, que acontece todos os anos no mês de maio, é deliberar sobre temas de interesse comum no âmbito da saúde.

Mais de 73 itens de agenda estão previstos na edição da AMS deste ano que tem como tema: “Saúde para a paz, paz para a saúde”. Entre os principais temas de interesse do Ministério da Saúde do Brasil, destacam-se as estratégias globais de combate à influenza, poliomielite, doenças crônicas não transmissíveis, doenças negligenciadas, tuberculose, HIV, hepatites virais e infecções sexualmente transmissíveis.

Além disso, serão discutidos o fortalecimento do Regulamento Sanitário Internacional (2005) e o aprimoramento da resposta frente às emergências de saúde pública, o que inclui as discussões em torno do novo tratado sobre pandemias.

Queiroga participa ainda de reuniões bilaterais com diferentes países parceiros, além de agrupamentos como MERCOSUL e CPLP. O ministro do Brasil ainda terá oportunidade de participar de eventos paralelos promovidos por organizações internacionais de relevância na saúde global, como a UNITAID, a Stop TB Partnership, e a World Heart Federation.

 

  
 
 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.