Quinta, 11 de Agosto de 2022 17:26
63 98121-2858
Política Exclusivo

Avião de R$ 300 milhões usado por Lula pertence ao dono da Prevent Sênior

Avião tem torneiras banhadas a ouro

04/08/2022 11h57
Por: Pablo Carvalho
Avião de R$ 300 milhões usado por Lula pertence ao dono da Prevent Sênior

O jato executivo de R$ 300 milhões usado por Lula para percorrer o Brasil na campanha eleitoral de 2022 pertence a um dos donos da Prevent Sênior. 

Conforme os registros da Agência Nacional de Aviação Civil, a aeronave de prefixo PR-VDR pertence à Air Jet Taxi Aéreo Ltda e é operada pela mesma empresa. Entre os sócios da empresa está Fernando Fagundes Parrillo, que também é um dos sócios da Prevent Senior Private Operadora de Saude Ltda.

Fabricada pela Bombardier, a aeronave modelo Global Express XRS pode levar originalmente até 80 pessoas, mas está especialmente configurada para transportar até 14 passageiros como o maior luxo e conforto, com direito a torneiras banhadas a ouro em seu banheiro.

A empresa tem autorização da Anac para prestar o serviço de táxi aéreo e possui outras aeronaves em sua frota: um Challenger 604, um Learjet 45 e helicópteros da Airbus de três modelos diferentes.

A Prevent Sênior esteve na mira da CPI da Pandemia do Senado, comandada pelos senadores Omar Aziz, Randolfe Rodrigues e Renan Calheiros. O relatório final da Comissão chegou a pedir o indiciamento de Fernando Fagundes Parrillo pela suposta prática dos crimes de trazer "perigo para a vida ou saúde de outrem" (art. 132), "omissão de notificação de doença" (art. 269), "falsidade ideológica"(Art.299) e "crime contra a humanidade"(Art. 7º).

A operadora de saúde também foi alvo de uma CPI na Câmara Municipal de São Paulo. Os trabalhos foram conduzidos pelos vereadores Antonio Donato do PT (presidente), pelo vereador Celso Giannazi do PSOL(vice-presidente) e pelo vereador Paulo Frange do PTB (relator). O relatório final também pediu o indiciamento de Fernando Fagundes Parrillo.

Veja fotos do luxuoso interior da aeronave.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.