Sexta, 20 de Maio de 2022 21:47
63 98121-2858
Tocantins Hospital

Hospital Infantil de Palmas tem área de convivência revitalizada

Hospital Infantil de Palmas tem área de convivência revitalizada

30/09/2019 16h38 Atualizada há 3 anos
Por: Redação
Hospital Infantil de Palmas tem área de convivência revitalizada

Promover um atendimento humanizado em um ambiente mais aconchegante possível é o objetivo da gestão do Hospital Infantil de Palmas (HIP), que conta com parcerias para viabilizar o intuito. Após a reforma da brinquedoteca realizada no mês passado, a unidade recebeu no sábado, 28, a reforma/pintura da área de convivência que proporcionou leveza e bem-estar aos pacientes internados.

“Durante a Pintura, as crianças ficaram muitos felizes, vindo pra área de convivência prestigiar e pediram pra tirar fotos com os artistas. Foi gratificante ver o olhar de felicidade e admiração de cada criança. Eles viajaram no mundo dos desenhos e falando o nome de cada personagem e de cada animal”, descreveu a diretora geral da unidade, Waldineire Pereira.

A arte foi realizada pelos artistas Bruno Cordeiro, Danilo Dias, Jefferson Nascimento, Symonton Cunha, sob a coordenação do presidente da União Presbiteriana de Homens (UPH) Adão Lincon Bezerra Montel já deixou a unidade tematizada para as comemorações do Dia das Crianças, celebrado no próximo dia 12. “Temos um trabalho que visa promover ações em instituições que atendem pessoas de baixa renda. A equipe de humanização do hospital nos sugeriu a área de convivência e abraçamos a ideia e assim estamos cumprindo o que acreditamos ser o dever de um cristão, que é atender a quem precisa e temos certeza que a arte alegrará os dias dos pacientes”, destacou Adão.

Na ocasião foi realizada uma oficina de crochê oferecida pela Igreja Prebisteriana Graças, ministrada por Brasilina Nestor, Daizi Natália, Daniela Barros, Maria Aparecida, Mariene Vaz, que atuaram junto às mães de pais dos pacientes internados.

Para a supervisora da Humanização/Brinquedoteca do HIP, Elda Carneiro, “as atividades realizadas por estes voluntários fizeram a diferença seja no aprendizado para mães e pais como para as crianças que ficam calmas, tranquilas, e felizes em ver os desenhos, as cores, e durante a pintura queriam ficam perto dos artistas para ver passo a passo cada traço do desenho. Isso muda a rotina deles”, destacou.

Fonte: ASCOM

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.