Sexta, 20 de Maio de 2022 21:43
63 98121-2858
Geral Geral

Caso Marielle: Controle ao acesso do Vivendas da Barra revela verdade sobre visita de ex militar

Caso Marielle: Controle ao acesso do Vivendas da Barra revela verdade sobre visita de ex militar

30/10/2019 18h54 Atualizada há 3 anos
Por: Deborah Sena
Caso Marielle: Controle ao acesso do Vivendas da Barra revela verdade sobre visita de ex militar

O vereador Carlos Bolsonaro publicou um vídeo em suas redes sociais nesta quarta-feira (30) em que supostamente apresenta os registros das conversas da portaria do condomínio Vivendas da Barra, zona oeste do Rio de Janeiro, no dia da morte da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL).

Segundo a reportagem da TV Globo divulgada nesta terça-feira (29), o ex-policial militar Élcio Queiroz, suspeito de envolvimento no assassinato de Marielle e do motorista Anderson Gomes em março de 2018, disse na portaria que iria à casa de Bolsonaro, na época deputado federal, no dia do crime.

Os registros de presença da Câmara dos Deputados, no entanto, mostram que Bolsonaro estava em Brasília nesse dia.

A postagem de Carlos é uma reação à citação do nome de seu pai no caso Marielle Franco, diante do depoimento de um porteiro desse condomínio onde o presidente tem casa no Rio.

De acordo com a gravação apresentada por Carlos, a ligação anunciando um dos criminosos foi feita para o número 65, não 58, onde mora seu pai, Jair Bolsonaro.

Segundo Carlos, que reside no mesmo condomínio do pai, não há, ao contrário do que afirmou a reportagem da TV Globo, uma ligação para a casa de Jair Bolsonaro, e que não faria sentido a afirmação, atribuída ao porteiro, de que "seu Jair" teria autorizado a entrada do ex-policial Élcio Queiroz, um dos acusados de participar do assassinato de Marielle.

No vídeo, Carlos reproduz a ligação registrada às 17h13. O porteiro anuncia a chegada do "senhor Élcio". A voz do outro lado, diferente da de Jair Bolsonaro, responde: "Tá, pode liberar aí".

Fonte: Sputniknews

https://twitter.com/i/status/1189537947881746442
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.