Domingo, 14 de Agosto de 2022 00:33
63 98121-2858
Geral Geral

Parlamentares de esquerda atacam governo em nome da "harmonia entre Poderes"

Parlamentares de esquerda atacam governo em nome da "harmonia entre Poderes"

26/02/2020 16h09 Atualizada há 2 anos
Por: Redação
Parlamentares de esquerda atacam governo em nome da

Senadores reagiram nesta quarta-feira (26) à notícia de que o presidente Jair Bolsonaro teria compartilhado via WhatsApp um vídeo convocando a população para as manifestações do dia 15 de março.

Sempre atacam o governo e o presidente, mas em suas redes sociais, os parlamentares logo saíram para posar de defensores da democracia e da separação entre os Poderes.

Contrariando o próprio discurso, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) acusou o presidente Bolsonaro de agir como "um extremista" e não como presidente do país. O senador cobrou que o presidente Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; do Senado, Davi Alcolumbre, e do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli interfiram no caso e quebrem a harmonia dos Poderes.

Integrante da base governista, a senadora Soraya Thronicke (PSL-MS), defendeu o general Augusto Heleno, ministro do Gabinete de Segurança Institucional, que no início do mês disse que o governo não deveria "ceder às chantagens” do Congresso em relação à derrubada dos vetos do presidente Jair Bolsonaro ao orçamento impositivo – uma das pautas da manifestação do dia 15. 

O senador Kajuru (PSB-GO) também apoiou as manifestações do próximo dia 15, assegurando que vai às ruas protestar.

Fonte: Agência Senado

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.