Domingo, 29 de Maio de 2022 06:18
63 98121-2858
Parlamento Medidas

Medidas protetivas a animais serão aumentadas com aprovação de projeto na Aleto

Medidas protetivas a animais serão aumentadas com aprovação de projeto na Aleto

09/03/2020 15h27 Atualizada há 2 anos
Por: Redação
Medidas protetivas a animais serão aumentadas com aprovação de projeto na Aleto

O deputado estadual Issam Saado (PV) apresentou dois Projetos de Lei na Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto) ambos com objetivo de garantir a proteção e os direitos dos animais. O primeiro Projeto altera a Lei n 3.530 de 14 de agosto de 2019, que institui o Código Estadual de Proteção aos animais. A mudança diz respeito quanto a tipificação de maus-tratos e atos de crueldade contra animais, bem como estabelece vedações de atos e atividades consideradas cruéis e impõe a aplicação de multas de R$1,5 mil a R$15 mil.

O parlamentar justifica que o Projeto é uma resposta aos anseios de toda a sociedade brasileira que busca banir o comportamento violento e cruel praticado contra animais.

Um exemplo da aplicação do Projeto de Lei que o Código de Proteção aos Animais prevê é aumentar o rol de ações humanas que serão consideradas maus-tratos e atos de crueldade, como abandonar animais domésticos e proibir a utilização de animais em espetáculos de circos, além de majorar as imposições de multas.

Já o outro Projeto de Lei que proíbe a rinha de cães e galos. A rinha é uma modalidade de briga (luta) entre animais que resulta em atos de crueldade, já que estes saem feridos ou mortos. O Projeto de Lei prevê aplicação de multa entre R$1,5 mil e R$15 mil, variando de infração leve a muito grave.

O deputado Issam Saado avalia que a prática vem crescendo no Brasil e é grande a quantidade de animais vítimas de maus-tratos e atos de crueldade. "A briga de cães e galos é uma ação antiga como é de conhecimentos de todos, porém está prática se enquadra na Lei de Crimes Ambientais como ato de abuso e maus tratos, portando diante da gravidade deste ato é importante tipificar a conduta numa lei específica para proibir e punir os agentes”, argumenta.

Os Projetos de Lei tramitam na Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Casa de Leis.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.